Fortes chuvas causam deslizamentos de terra e interdições em rodovias do Paraná

A forte chuva que atingiu o estado do Paraná nos últimos dias causou estragos e interdições nas rodovias da região. Um dos pontos mais críticos ocorreu na BR-476, no quilômetro 356, em União da Vitória, onde um deslizamento de terra abriu uma grande cratera. Como resultado, a rodovia teve que ser totalmente bloqueada, e até o momento não há previsão de liberação.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a recomendação é que os motoristas evitem passar pelo trecho entre União da Vitória e São Mateus do Sul, pois a situação ainda é considerada de alto risco. A preocupação é com a segurança dos condutores, já que a cratera representa um perigo iminente.

Além da BR-476, outras duas rodovias também foram afetadas pelas chuvas. A PR-170, que liga Guarapuava ao distrito de Entre Rios, teve um deslizamento de terra que bloqueou uma das faixas preventivamente. Os técnicos do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) já sinalizaram o trecho e estão analisando quais medidas são necessárias para a reconstrução da via.

A situação é preocupante, pois a PR-170 é uma importante rota de ligação entre Guarapuava e Pinhão. Ainda que o tráfego esteja liberado em apenas uma faixa, as autoridades recomendam cautela aos motoristas que precisarem utilizar essa via.

Os estragos causados pelas chuvas intensas no Paraná evidenciam a necessidade de investimentos em infraestrutura para evitar danos futuros. Além disso, é fundamental que haja um plano de prevenção e atuação rápida em situações como essa, a fim de minimizar o impacto nas rodovias e garantir a segurança dos usuários.

Diante desse cenário, fica evidente a importância de se manter informado sobre as rotas alternativas e possíveis interdições nas rodovias. O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) reforça a importância de acompanhar informações atualizadas sobre as condições das estradas, através de veículos de comunicação confiáveis.

É fundamental que todos os motoristas sigam as orientações das autoridades de trânsito e evitem colocar suas vidas em risco ao se deparar com trechos interditados ou danificados. A segurança deve ser sempre prioridade nas estradas, principalmente em situações adversas causadas pelas condições climáticas.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo