Ofensiva israelense em Gaza avança para o segundo estágio, gerando impacto humanitário na cidade de Khan Younis.

As tensões entre israelenses e palestinos atingiram um novo ápice, com Israel estendendo sua campanha terrestre para o enclave de Gaza. Na periferia leste de Khan Younis, moradores relataram que algumas tropas israelenses assumiram posições, enquanto outros se aproximaram de um conjunto habitacional financiado pelo Catar, chamado Hamad City.

De acordo com os israelenses, esta extensão da campanha terrestre tem como objetivo aniquilar os combatentes do Hamas, que controlam Gaza. O porta-voz do governo, Eylon Levy, afirmou aos repórteres que estão avançando para o segundo estágio, que será desafiador do ponto de vista militar. Ele também ressaltou que Israel está aberto a um “feedback construtivo” sobre a redução dos danos aos civis, desde que esteja alinhado com o objetivo de destruir o Hamas.

Enquanto isso, no principal hospital de Khan Younis, o Nasser, os feridos continuavam a chegar de diferentes formas: ambulância, carro, caminhão e até carroça de burro. A população descreveu o ataque que atingiu uma escola usada como abrigo para deslocados, resultando em muitas vítimas.

Nas enfermarias, a situação era de caos, com os feridos ocupando cada centímetro do chão. Os médicos corriam de paciente em paciente, enquanto os parentes choravam, refletindo o impacto devastador do conflito na população civil.

Esses eventos recentes apenas agravam a situação já crítica no Oriente Médio. As tensões entre israelenses e palestinos só parecem aumentar, e a busca por uma solução pacífica continua sendo um desafio. A comunidade internacional acompanha de perto, esperando por um desfecho que traga alívio e segurança para ambos os lados.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo